Complexo "Serviços & Utilidades"

Domingo, 28 Abril 2013 04:02

Transportando as varas de pesca

Escrito por  Guias de Pesca
Avalie este item
(0 votos)

Nossas viagens de pesca hoje nos levam aos mais variados destinos, desde lagos de pesque-e-solte perto de nossas cidades, até as pousadas de pesca em plena selva, só alcançadas por avião ou por veículos com tração  4 x 4. Para enfrentar os trancos que esses deslocamentos provocam em nossos equipamentos e  proteger nosso investimento em tralha, chegando aos destinos com tudo funcionando corretamente, temos que  acondicionar carretilhas, molinetes e varas de pesca de forma a lhes dar a máxima proteção. 

Devemos dar especial atenção a nossas varas de pesca,  pois elas são relativamente frágeis,  principalmente as de carbono ou grafite, seja pela sua própria estrutura (blank), como também com relação às ponteiras e aos passadores. Viagens a destinos distantes e isolados, em pescarias de cinco ou mais dias, requerem que levemos varas de dimensões variadas, de leves a pesadas, para as diversas situações de pesca. Assim,  é comum que levemos conosco cinco ou mais varas, que devem ser acondicionadas com segurança para o transporte. 

A forma mais segura de transportarmos as varas é dentro de tubos de PVC, que podemos montar com facilidade com os tubos encontrados em casas de material de construção,  ou comprá-los nas lojas de pesca, prontos e revestidos de tecido, com alça para facilitar o transporte. Há inclusive alguns tubos, como os da marca Plano, que têm dimensão regulável, podendo acomodar varas de até sete pés (2,20 m). Entretanto, os produtos de PVC revestido são bem mais baratos, e este é um investimento que compensa pela proteção que oferece. Os tubos mais usados são os de dois metros, com diâmetros de 75 mm ou 100 mm.

Devemos obter dois pedaços de espuma de poliuretano mais densa,  cortados em círculo de diâmetro ligeiramente maior que o diâmetro de tubo, e de cerca de quatro centímetros de espessura, para serem colocados no fundo e na tampa do tubo, com o objetivo de proteger as ponteiras das varas.  As varas devem ser colocadas nos tubos previamente presas entre si, de modo que entrem todas de uma vez e não fiquem soltas, chacoalhando dentro do tubo. Para isso, podemos usar outros pedaços de poliuretano, presos com fita crepe nas duas extremidades e no meio do molho de varas,  ou aquele plástico de bolhas para embalagem, enrolado e fixado com fita nesses locais.

Com a aplicação dessa proteção, as varas entrarão de forma  mais justa no tubo. O procedimento de prender as varas entre si facilita também a colocação de mais varas no tubo,  por exemplo, se vamos transportar seis varas, poderemos prendê-las sendo três em um sentido, e as outras três em sentido contrário. Isso ajuda também na proteção das ponteiras, pois podemos fazer a amarração deixando os cabos ligeiramente projetados em relação às mesmas. 

Com as varas bem protegidas, vamos nos dedicar à pescaria, que é realmente a melhor parte de tudo isso.

Fonte: guiasdepesca

"ENVIE SUA DICA PARA O SITE"

Ler 3011 vezes