Complexo "Serviços & Utilidades"

Segunda, 03 Junho 2013 03:55

A mala feminina para o turismo de aventura

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Às vezes, fazer as malas para uma mulher é a parte mais difícil durante a organização de uma viagem. Colocar o que ela supõe ser indispensável dentro de uma mala (ou de uma mochila) parece impossível. Mas, quando o objetivo é estar na natureza ou praticar esportes ao ar livre, boa parte dos itens que você levaria em uma viagem tradicional pode (e deve) ser descartado.

Em viagens de aventura, praticidade e conforto devem ser priorizados em relação à estética, para que você possa aproveitar cada momento de forma mais livre. Lembre-se que não é necessário desfilar um modelo diferente a cada dia: o mais importante é se sentir bem para realizar as atividades e encarar os desafios.

Aprendemos bastante observando os aventureiros mais experientes. Em minhas viagens, percebi que as turistas europeias e orientais levam uma bagagem mínima e, mesmo assim, estão sempre vestidas adequadamente para cada aventura. Por isso, pense na possibilidade de carregar apenas aquilo que você mesma consiga transportar. E acredite: quanto mais você viajar, menor será a sua mala.

O primeiro passo para se alcançar uma mala eficiente é analisar o seu roteiro, verificando que tipos de aventuras estão previstas. Informe-se também sobre a temperatura e as variações climáticas em seu destino. A seguir, outras dicas:

Bagagem de mão
A melhor opção é uma mochila pequena, para guardar documentos e dinheiro, itens de uso diário (como óculos e remédios) e um nécessaire com itens básicos. Lenços de papel (comuns e umedecidos) são sempre úteis e devem estar em local de fácil acesso. Leve também uma muda de roupa, optando por peças versáteis e leves, caso a sua mala maior seja extraviada, por exemplo. Eu não dispenso um lenço tipo xale. São leves e finos e eficientes contra o frio do ar-condicionado do avião e podem dar uma levantada no visual. Caso o clima na cidade de destino for frio, leve um casaco mais pesado na mão.

A mala
Não saia de casa com a mala explodindo, pois sempre aparecem boas oportunidades de compras em qualquer destino. E guarde também espaço para as lembrancinhas.

No aeroporto ou rodoviária, identifique a sua mala com uma fita, um adesivo ou um detalhe que só você reconheça, minimizando assim a possibilidade de troca caso haja outra mala igual a sua.

>> Equipamentos
Na hora de fazer a mochila, verifique se você vai precisar de: pilhas para todos os eletrônicos (caso não seja fácil comprá-las no destino), carregadores, câmera fotográfica, filmes ou cartões de memória adicionais, adaptadores de tomadas, extensões, canivete e lanterna de cabeça.

Caso você seja um aventureiro principiante, não é preciso comprar todos os equipamentos de uma vez só. Analise o que realmente é indispensável. As operadoras de turismo costumam fornecer (ou alugar) os itens básicos para as atividades vendidas.

Vestuário
Praticidade e elegância podem estar aliadas. Atualmente, existem vários tipos de tecidos leves e de secagem rápida, que desamassam sem precisar passar. Vale a pena investir nesses itens. Muitas marcas de roupas têm linhas femininas, com cortes mais ajeitados. Calças-bermudas são sempre versáteis.

E tudo deve ser o mais confortável possível. Esqueça as peças muito justas, que limitam o movimento ou prendem a circulação. Em relação à quantidade, pense na duração da viagem e separe uma camiseta para cada dia e mais uma de reserva.

Para enfrentar o frio, use camisas segunda pele. Elas são leves, ocupam pouco espaço e aquecem. E, além do casaco pesado fora da mala, mais duas ou três blusas térmicas são mais do que suficientes para semanas fora de casa. Pense em roupas que você possa sobrepor se houver necessidade. E, não se esqueça das luvas, cachecol e gorro.

Um biquíni e uma canga leve ocupam pouco espaço. Não se esqueça de levá-los, ainda que a possibilidade de esportes aquáticos seja mínima. Lembre-se também dos óculos escuros, boné e capa de chuva ou um guarda-chuva compacto.

Calçados
Uma bota específica mais pesada para caminhada e um tênis com solado para trekking são suficientes. E não se esqueça do chinelo ou da papete, para descansar os pés. E nem pense em calçados novos, pois você pode ter surpresas desagradáveis, como uma bolha te incomodando pelo resto da viagem.

Nécessaire
Escolha um modelo onde você possa acomodar de forma organizada os produtos de higiene pessoal e beleza, remédios e outras miudezas. Use embalagens pequenas para levar sabonete líquido, xampu, condicionador, hidratante e outros produtos. E, em uma viagem de aventura, os artigos de maquiagem podem ser limitados ou até excluídos. Verifique também se você terá onde e como usar o secador de cabelo (e opte por levar um modelo pequeno, de viagem). E além dos medicamentos de uso regular, leve antialérgico, analgésico, antitérmico, anti-inflamatório, digestivo, colírio e repelente.

Fonte: Rosely Atanes

"ENVIE SUA DICA PARA O SITE"

Ler 4025 vezes